14 maio 2013

Um grito de liberdade

MUNDO DA MULHER


Olá meninas há quanto tempo!
A vida anda mega corrida, estou cheia de afazeres e dando uma atenção mais especial a minha vida pessoal.
Mas vamos ao que interessa, nos últimos dias ando muito contrariada com o que ando lendo, assistindo e até presenciando, a violência contra a mulher tem se alastrada assustadoramente, violência doméstica, estupros em coletivos, sequestros que se perduram por anos, carcere privado, meu Deus onde a humanidade irá parar assim...
Sei bem na pele o que é sofrer violência doméstica, durante quatro anos sofri com o pai dos meus filhos maus tratos físicos e psicológicos, durante anos a minha autoestima foi violentada, agredida pelas palavras que ele proferia contra mim e que sempre estavam gravadas na minha mente e sendo repetidas como tortura diária, precisei de análise e de me auto avaliar, recorrer a fé, a minha força interior para fazer que este "fantasma" me deixasse e eu seguisse em frente e poder refazer a minha vida, sei bem como é complicado recomeçar, confiar em alguém, se doar sem medos, sem cobranças, eu viva armada contra qualquer oportunidade de ser machada como fui outrora.
Não consigo me calar diante de tudo que está acontecendo ao meu redor, não me permito ficar na inércia, muitos da minha família me criticam por me expor, por eu deixar bem claro que um dia sofri violência doméstica, mas como me calar...não consigo, falo mesmo, creio que falando, escrevendo o que vivi conseguirei estimular a muitas a denunciarem, a darem um basta, seguirem...
Eu tinha três filhos pequenos quando me separei, não tinha trabalho, não havia concluído o meu ensino médio e era mega imatura, mas graças a Deus tive apoio dos meus pais e uma enorme força de vontade de viver, de mudar a minha realidade e de dar uma vida mais digna e tranquila para os meus filhos.
Hoje depois de quase dezesseis anos, muita coisa mudou na minha vida, sou independente, tenho o meu trabalho, minha casa, amigos, um esposo que me respeita, me apoia em tudo, sou feliz, refiz a minha vida, apaguei as páginas do passado e fiz um lindo presente, se eu consegui todas podem, deem suas cartas de alforria, um grito de liberdade.

E aos políticos, a justiça e a polícia do Brasil está na hora de mudar esta terrível realidade não podemos permitir que ainda acontece isso no nosso país, afinal estamos em pleno século XXI, creio que estamos mais evoluídos para agirmos como na idade da pedra.
Tatiana Sampaio
Postar um comentário

Blogger templates